Chocolateria São Francisco de Paula RS

Encontre endereços e telefones de chocolateria em São Francisco de Paula. Aproveite para obter dicas e mais informações sobre o assunto em nossos artigos com tutoriais.

Brindes Metha
(51) 3033-4998
r Cel Vicente, 382 S 103, Centro
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Trishirt Brindes Promocionais
(51) 3023-5390
r Azevedo Sodré, 28, Passo da Areia
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Drehsan Presentes E Artigos Promocionais Ltda
(54) 3225-2337
r Ângelo Francisco Guerra, 40 Cinquentenário
Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
J B Brindes E Bedim Comercial
(54) 3225-2577
r Do Rosario 74 Madereira
Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Cavian Brindes
(54) 3215-4659
r Abramo Benedetti, 412 Esplanada
Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
NB Bottons Promocionais
(51) 3386-3697
av Dr Alberto Vianna Rosa, 78, Protásio Alves
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Ciano Brindes e Presentes
(51) 3233-3817
r Corrêa Lima, 651, An 4 Sl 401, Sta Tereza
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Brindes Mc.Zza Presentes Corporativos
(54) 3225-2690
r Irma Valiera 575 Sl 101 Sao Pelegrino
Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Robeleo Brindes Ltda
(51) 3343-4566
av Brasil, 261, Navegantes
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Drehsan Presentes e Artigos Promocionais Ltda
(51) 3395-1878
av Cristóvão Colombo, 1801, An 2 Cj 201, Floresta
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Chocolateria

Fornecido por: 

Especialista em medicina estética ensina que ele não precisa ser banido da dieta – pode até fazer parte dela

Dr. Fábio Alex, especialista em medicina estética e um dos sócios da Clínica Visia (Rua Bento de Andrade, 292, tel. 3078-6532), na capital paulista, fala sobre o chocolate que emagrece e que tira a fome, e dá dicas de como consumi-lo em nosso dia a dia, de maneira saudável.

Segundo ele, uma pesquisa da Universidade de Chung Hsing, em Taiwan, coordenada pelo Departamento de Ciência do Alimento e Biotecnologia da instituição, divulgou que são os ácidos fenólicos presentes no cacau os responsáveis pela ação emagrecedora. Eles interferem na produção da leptina, o hormônio da saciedade – que, nos obesos, é bem reduzida -, e ainda queimam calorias. Sem contar a ajuda extra dos antioxidantes, que previnem o acúmulo de gordura nas células.

Os fitoquímicos do cacau melhoram a secreção da adiponectina, o que aumenta a ação anti--inflamatória, reduzindo os riscos de diabete e aterosclerose (alterações nos vasos sanguíneos que levam à obstrução dos mesmos).

Outro dado apontado na pesquisa, publicada no Journal of Agriculture and Food Chemistry, uma das revistas americanas de maior prestígio no mundo da nutrição, atribui ao cacau o poder inibir um mecanismo que faz o organismo estocar ou produzir mais gordura. Toda essa riqueza está no chocolate amargo — quanto mais, melhor. O amargor, bem entendido, e não a quantidade do chocolate consumido.

Saciedade
Pesquisa coordenada pelo médico dinamarquês Arne Vernon Astrup, chefe do Departamento de Nutrição Humana da Universidade Real de Copenhague, na Dinamarca, e publicada na conceituada revista americana International Journal of Obesity, apontou que os pacientes que consumiram um tablete amargo pela manhã, ainda em jejum, ficaram mais saciados que o restante da turma: eles ingeriram 15% menos calorias ao longo do dia em comparação com o grupo que optou pelo chocolate ao leite.

Menor vontade de doce
A 2-feniletilamina e a N-aciletanolamina, presentes no cacau, agem no cérebro fechando os receptores para à vontade de doce.

Prazer prolongado
O chocolate também concentra compostos que inibem a degradação da anandamida, substância que prolonga a sensação de bem-estar.

Ação sobre a Insulina
Outra vantagem do chocolate amargo seria a capacidade de melhorar a sensibilidade à insulina em pessoas saudáveis, afirma Anete Hanud Abdo, endocrinologista do Projeto de Atendimento ao Obeso (PRATO) do Instituto de ...

Clique aqui para ler este artigo no Veste Moda