Escolha o colar adequado para o seu tipo de pescoço Armação dos Búzios RJ

Realce o seu pescoço com o colar ideal adequado ao seu biotipo. O autor comenta sobre tamanhos, cores e a melhor combinação com a roupa. "Roupas de tecidos leves e cores discretas suportam colares mais volumosos", ele destaca.

Joalheria Nossa Senhora Paz Ltda
(21) 2239-3348
Rua Visconde de Pirajá 611 lj 2
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Joalheria Barros
(22) 2722-8708
Rua Comendador José Francisco Sanguedo 160
Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro
 
Opala Joias Ltda
(21) 2591-6846
Rua Dias da Cruz 128 lj D
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Ubirajara Sebastião Ferreira
(21) 2221-6826
Rua Miguel Couto 23 s 302
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Mary Rozenfeld
(21) 2507-8504
Rua Pedro I 2 lj 2
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Ninio P Ltda
(21) 2224-4600
Rua Regente Feijó 100
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Joalheria Nossa Senhora Conceição Ltda
(21) 2273-7542
Rua da Estrela 86
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Natteli Joalheiros Ltda
(21) 2521-4391
Rua Visconde de Pirajá 330 lj 114
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Richard Joias
(21) 2593-5747
Rua Silva Rabelo 10 lj I
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Joalheria Almeida Catete
(21) 2225-1157
Rua Machado de Assis 79 A
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 

Escolha o colar adequado para o seu tipo de pescoço

Fornecido por: 

Como um poderoso acessório, tanto para uma produção diurna ou para a noite. Não existe uma regata ou camisa básica que não fiquem um charme se usadas com um belo colar.No entanto, para que colares ou cordões ajudem as nossas produções é preciso ter cuidado com algumas regras e dicas:

  • Para as altas: cuidado com os colares curtos demais.
  • Para as de pouco pescoço: os colares mais grossos e coloridos e as gargantilhas tendem a acentuar o pouco pescoço. Escolha os mais discretos e compridos.
  • Para as de pescoço fino e longo: correntes e gargantilhas ficam muito bem.
  • Para as que estão acima do peso: use correntes ou colares longos. O comprimento não deve ultrapassar a altura da cintura.
  • Para as mais clássicas: pérolas.
  • Além do seu tipo físico, preste atenção na composição do decote com o colar.
  • Colar imponente só combina com brincos pequenos.
  • As correntes nunca saem de moda, mas não exagere. Muitas correntes achatam a silhueta e você corre o risco de ficar cafona.
  • Roupas de tecidos leves e cores discretas “suportam” colares mais volumosos.
  • Cordões pequenos e médios combinam perfeitamente com trajes esportivos e roupas decotadas.
  • Para as com muito busto: colares próximos do pescoço ou correntes longas.
  • Para as com pouco busto: n...

Clique aqui para ler este artigo no Veste Moda